Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a Busca
Polo de desenvolvimento educacional
Notícias Institucional

Pesquisa investiga caminhos para a implementação da BNCC nos Anos Finais

Estudo analisa projeto Saberes em Diálogo, que atua na formação continuada para e com professores da rede municipal de Canoas (RS)


A formação continuada para e com os professores e a implementação da BNCC (Base Nacional Comum Curricular) foram objetos de estudo da pesquisa “Cartografias da implementação do Referencial Curricular de Canoas no Ensino Fundamental, desenvolvido pela pedagoga Rejane Reckziegel Ledur com a supervisão da também pedagoga Ani Martins da Silva.

As pesquisadoras investigaram o projeto “Saberes em Diálogo”, desenvolvido pela Secretaria Municipal da Educação de Canoas (RS), em parceria com o Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade La Salle. A iniciativa promove formações de professores da rede municipal de ensino e foi uma das 14 selecionadas do edital de pesquisa “Anos finais do ensino fundamental: adolescências, qualidade e equidade na escola pública”.

Confira o sumário executivo da pesquisa

“Ao promover a pesquisa na e com a escola, o projeto consolidou alguns princípios de formação continuada em que se destacam o protagonismo docente, a horizontalidade, o trabalho colaborativo, a formação entre os pares, o registro e visibilidade da prática docente, o foco nas demandas do cotidiano, a adesão espontânea e o pertencimento, acolhimento e afetividade”, aponta o estudo.

A pesquisa foi realizada com apoio técnico e de recursos do Itaú Social e da FCC (Fundação Carlos Chagas), e teve como objetivo sistematizar o projeto de formação “Saberes em Diálogo”, resultando em uma publicação com três volumes:

Para a consolidação deste estudo participaram 43 professores especialistas, mestres e doutores das escolas da rede municipal de Canoas. Juntos, coordenaram e sistematizaram o percurso formativo com o desafio de adaptar a BNCC à realidade de cada escola da cidade.

Ciclos de formação
O primeiro ciclo do estudo contou com quatro formações, além do preenchimento de um formulário que mobilizou 678 professores divididos nas disciplinas de Educação Física (102), Ensino Religioso (100), Matemática (86), Língua Portuguesa (80), Artes (73), Ciências da Natureza (69), História (62), Língua Inglesa (55) e Geografia (51).

Já a segunda etapa promoveu quatro lives de diferentes eixos de conhecimento, são elas: A implementação do RCC (Referencial Curricular de Canoa) na rede municipal: um compromisso de todos; Conhecimento, comunicação e cultura digital; Pensamento científico, crítico e criativo, argumentação, trabalho e projeto de vida; Responsabilidade e cidadania, empatia e cooperação, autoconhecimento e autocuidado.

Edital Anos Finais
O edital de pesquisa “Anos finais do ensino fundamental: adolescências, qualidade e equidade na escola pública” tem por objetivo fomentar, apoiar e disseminar pesquisas aplicadas que apontem recomendações para a construção de soluções e superação dos desafios no período escolar do 6º ao 9º ano, promovendo a interação entre a academia e a realidade escolar.

Conheça os 14 projetos selecionados

Ao todo, o edital investiu R$ 3,68 milhões para o financiamento dos trabalhos, iniciados em agosto de 2019. 

Veja também o resultado da pesquisa:“Sucesso escolar: em busca de estratégias para o fortalecimento de crenças de eficácia” apoia pelo edital.