Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a Busca

AGÊNCIA DE

Notícias

Institucional

Tempos, Espaços e Conteúdos


Para Maria do Carmo Brant, consultora do Centro de Estudos em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec), que esteve presente no segundo dia do Seminário Internacional de Educação Integral, realizado entre 29 e 30 de março em São Paulo pela Fundação Itaú Social e Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), algumas questões devem ser consideradas quando se pensa em uma proposta de metodologia de educação integral, mas alerta que não há receita de bolo e que é preciso levar em conta o contexto em que ela será aplicada. “Questionar qual é a concepção de desenvolvimento integral, definir os valores, identificar as potencialidades, os saberes e as vulnerabilidade das crianças, adolescentes e jovens e de suas comunidades são questões pertinentes e que devem nortear qualquer proposta”, afirma.

Segundo a especialista, é preciso rever a noção de tempo. Ela diz que embora a escola continue sendo essencial, o processo de aprendizagem precisa ser composto com outros espaços, como parques, bibliotecas, clubes etc. Outra questão levantada por Maria do Carmo é a importância de se contextualizar o conhecimento e de avaliar a relevância social e cultural dos conteúdos a serem trabalhados. “A educação integral trata o conhecimento de forma multidimensional. O grande desafio é superar a fragmentação em disciplinas, o arranjo terá que ser outro. Há que se retotalizar conhecimentos e experiências”, pontua.

A especialista também chama a atenção para a organização do currículo escolar. Para ela, concentrar todas as atividades culturais, artísticas e esportivas no turno oposto ao horário regular de aulas contribui ainda mais para estancar o conhecimento. “Não é mais possível falar em turno e contraturno, uma vez que tudo deve estar integrado, em um conjunto orgânico, seguindo os princípios que foram usados na elaboração da proposta curricular”, finaliza.

Assine nossa newsletter

Com ela você fica por dentro de oportunidades como cursos, eventos e conhece histórias inspiradoras sobre profissionais da educação, famílias e organizações da sociedade civil.