Ir para o conteúdo Ir para o menu
Polo de desenvolvimento educacional

Olimpíada realizou palestra sobre estratégia de reescrita de textos

A Fundação Itaú Social e o Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária realizaram na última sexta-feira (8/8), o encontro Aprender a (re)escrever: interação professor e aluno, iniciativa da Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro. A palestra foi transmitida ao vivo e ministrada por Luciene Simões, professora do programa de pós-graduação em Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

O encontro reuniu cerca de 40 pessoas entre participantes da Olimpíada e representantes das secretarias de educação municipal e estadual de São Paulo. A transmissão online teve 500 acessos únicos e o vídeo do encontro, que pode ser assistido na íntegra aqui, já ultrapassou 1800 visualizações.

A especialista abordou estratégias de reescrita de textos em sala de aula e respondeu questões enviadas pelo público sobre o trabalho de intervenção do professor na produção textual dos estudantes. Conheça outros trabalhos da professora sobre o tema aqui.

Percursos formativos

Na ocasião, foi lançada uma nova seção no Portal Escrevendo o Futuro, chamada Percursos Formativos. Trata-se‎ de mais uma estratégia de formacao a distância, em que professores e técnicos de secretaria poderão utiliza-la de forma autônoma de acordo com suas necessidades. A nova seção traz um primeiro percurso sobre Aprimoramento de texto, pelo qual pode-se percorrer e obter dicas de intervenção textual, sugestão de leitura de artigos e estudos sobre o tema, orientações de reescrita, além de encontrar experiências e relatos de prática de outros professores. ‎