Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a Busca
Polo de desenvolvimento educacional
Notícias Institucional

Melhoria da Educação lança tecnologia educacional para apoiar as redes municipais no ensino das crianças

Disponível para secretários Municipais de Educação e gestores, a tecnologia educacional oferece percursos formativos e estratégias pedagógicas


O Itaú Social, por meio do programa Melhoria da Educação, lançou a tecnologia educacional “Gestão e formação de equipes de Educação Infantil”. A iniciativa propõe contribuir  na formação dos profissionais que atuam na educação formal de crianças na primeira infância, compreendida na idade de zero a seis anos.

A tecnologia educacional, desenvolvida com a parceria técnica da Avante – Educação e Mobilização Social, tem como objetivo qualificar a educação para crianças baseando-se nos princípios propostos nos documentos norteadores nacionais para a educação infantil, como as Diretrizes Curriculares Nacionais de 2009 e a BNCC (Base Nacional Comum Curricular) de 2017.

Saiba o que é uma tecnologia educacional

O conteúdo traz formações destinadas à equipe técnica da Secretaria de Educação, direção escolar, coordenação pedagógicas e docentes, além de oferecer estratégias para desenhar e gerir processos formativos continuados,  de avaliação e monitoramento da educação infantil. 

A cidade de Paulista (PE) implementou a tecnologia em 2019. Nesse tempo ocorreram formações com técnicos e gestores de educação e momentos de trocas com educadores e supervisores,  o que possibilitou discutir sobre as especificidades de cada turma.

“Nestes dois anos, notamos o incremento da qualificação técnica e pedagógica da equipe de formadores da secretaria. Vemos que existe uma identidade pedagógica da rede, unidade nas discussões das práticas docentes e nas formas de avaliar e observar o desenvolvimento do estudante, sempre com muito respeito pela criança”, diz o secretário-executivo de Desenvolvimento Educacional de Paulista de 2017 até o momento, Emanuel Souto.

Resultados esperados

  • Curto prazo: Ampliar conhecimentos sobre concepções e práticas pedagógicas na Educação Infantil, alinhados às normativas nacionais como o BNCC e a Diretrizes Curriculares Nacionais. Já a formação dos profissionais da educação tem como papel garantir a qualidade da oferta educacional;
  • Médio prazo: Aprimorar e fortalecer a política de formação da rede, estabelecendo processos formativos contínuos, impactando na melhoria das práticas pedagógicas das escolas;
  • Longo prazo: Contribuir com uma educação mais equânime e de qualidade nas redes municipais, por meio de boas estratégias de gestão e formação, impactando na melhoria da qualidade das práticas pedagógicas, nas aprendizagens e desenvolvimento das crianças.

Melhoria da Educação
O programa, desenvolvido há mais de 20 anos pelo Itaú Social, tem por objetivo contribuir com o fortalecimento das secretarias municipais de educação para garantir acesso, permanência e aprendizado com equidade para crianças e adolescentes. 

As tecnologias educacionais são divididas nas categorias “Planejamento e Gestão Administrativa”, “Gestão Pedagógica” e “Comunicação, Participação, Ações Colaborativas e Controle Social”. Além da “Gestão e formação de equipes de Educação Infantil”, o programa conta com as tecnologias:

A plataforma também oferece o Autodiagnóstico da Rede de Ensino, instrumento disponível para que os gestores avaliem diferentes aspectos da gestão de uma secretaria de educação.