Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a Busca
Polo de desenvolvimento educacional

Ganham os alunos e também a comunidade

O projeto dos paranaenses “Isolantes térmicos para residências de famílias de baixa renda na cidade de Londrina”, do Colégio SESI, foi o vencedor da 8ª edição do Prêmio Escola Voluntária. A instituição vai receber dois computadores e uma viagem a Salvador para conhecer projetos sociais de referência nacional. Em 2º lugar ficou o Colégio Estadual Doutor Adino Xavier, em São Gonçalo (RJ), com o trabalho “Além do que os olhos vêem” e em 3º lugar, a Escola Estadual Coronel Francisco Gomes Campo, em Muria (MG), inscrita com o projeto “Qualidade de vida sim. Horta, pomar e bosque comunitários”. Ambas receberão um computador cada.

Duas instituições ficaram com as menções honrosas. São elas: Escola Fundamental Alvacir Vite Rossi, em Bras¡lia (DF), com o projeto “A construção do pensamento ecológico para o despertar da cidadania”, e Escola Internacional de Alphaville, em Barueri (SP), com “Janelas para o futuro”. O resultado foi anunciado ontem (25) durante evento no Itaú Cultural, em São Paulo, e contou com a presença de João Carlos Saad, presidente do Grupo Bandeirantes; Antonio Jacinto Matias, vice-presidente da Fundação Itaú Social; Milú Villela, presidente do Faça Parte – Instituto Brasil Voluntário, Centro de Voluntariado de São Paulo e Instituto Itaú Cultural; Gilberto Kassab, prefeito de São Paulo; e Maria Helena Guimarães de Castro, secretária de Educação do Estado de São Paulo.