Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a Busca
Polo de desenvolvimento educacional

Dia do Professor: conheça as oportunidades do Itaú Social para a formação de profissionais de educação

Cursos de formação continuada, seminários, materiais para ensino de Língua Portuguesa e Matemática, podcast e newsletter são alguns dos conteúdos oferecidos

Na ocasião do Dia do Professor, o Itaú Social destaca as ações voltadas para a formação dos profissionais de educação, um dos seus pilares de atuação para a melhoria da educação pública no Brasil. 

Gratuitas,  as oportunidades contribuem para a atualização profissional, por meio de conteúdos qualificados e trocas de experiências. Além dos professores, as ações também são voltadas para todos que atuam no campo da educação, como coordenadores pedagógicos, diretores, profissionais de secretarias da educação e equipes de organizações da sociedade civil.

 

  1. Polo: cursos certificados e gratuitos

Ambiente de formação do Itaú Social, o Polo oferece cursos gratuitos e certificados, nas modalidades a distância e presencial.  Os conteúdos estão organizados em quatro Percursos Formativos: Gestão Pedagógica, Gestão Operacional, Monitoramento e Avaliação e Leitura, Escrita e Matemática. São adotados recursos de ensino como vídeos, materiais didáticos e discussões em grupo. 

Estão disponíveis aos profissionais de educação cursos sobre diversos temas, como a adoção da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), estratégias de aprendizagem na leitura,  letramento matemático na educação infantil e o Fundeb e financiamento da educação. As formações são construídas junto a parceiros e especialistas de referência.

 

  1. Escrevendo o Futuro: cadernos de orientação e outros conteúdos para o ensino da Língua Portuguesa

Alinhado à Base Nacional Comum Curricular, o programa Escrevendo o Futuro oferece formação continuada aos professores de Língua Portuguesa, em parceria com o Cenpec (Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária).

O programa oferece conteúdos como cadernos de orientação, jogos virtuais e de tabuleiro, vídeos e a revista Na Ponta do Lápis, que traz informações, relatos de prática, textos de alunos, entrevistas, análises de especialistas e notícias.

Junto ao Ministério da Educação, o programa também realiza a Olimpíada de Língua Portuguesa, que neste ano conta com a participação de mais de 42 mil escolas de todo o país. Novidade da 6ª edição, cada gênero do concurso ganhou uma página especial, com textos, áudios, vídeos, jogos e outros recursos didáticos para auxiliar o trabalho do professor em sala de aula. Saiba mais neste link

O  Escrevendo o Futuro conta também com um banco acadêmico, que reúne artigos, monografias de conclusão de curso e de especialização, dissertações de mestrado e teses de doutorado.

 

  1. Cátedra de Educação Básica: Encontros debatem políticas de valorização dos professores

Em parceria com o Instituto de Estudos Avançados da USP, o ciclo de seminários da Cátedra de Educação Básica está centrado, neste semestre, na escola e em suas funções de condução da aprendizagem, vivência e produção cultural. Entre os temas de discussão, estão a diversidade e equidade nesses espaços, as relações com a família e a condução de gestões escolares e projetos pedagógicos.

Até o final do ano ocorrerão mais dois seminários gratuitos na cidade de São Paulo, e parte da programação será transmitida ao vivo pela internet.

Confira as próximas edições:

26/10 – Escola: Gestão e Docência

30/11 – Sistematização e Propostas

 

  1. Youcubed: por uma Matemática mais aberta, criativa e visual

A plataforma Youcubed teve seu conteúdo traduzido para o português  numa parceria entre o Itaú Social e o Instituto Sidarta. Com mais de 30 milhões de acessos por mês em 140 países, sua abordagem propõe o ensino da Matemática de forma aberta, criativa e visual.

Estão disponíveis atividades, jogos, ideias inspiradoras, vídeos e outros materiais, voltados para professores, pais, alunos e demais interessados.

 

  1. Folha na Sala: podcast e newsletter para professores

O projeto Folha na Sala, em parceria com a Folha de S. Paulo, foi desenvolvido especificamente para professores da educação básica. A iniciativa conta com um podcast, divulgado às terças, e uma newsletter, distribuída às quintas.

O podcast conta com exemplos de iniciativas bem-sucedidas nas escolas do país, preferencialmente as públicas, além de discuti-las com especialistas de diferentes áreas. Pode ser acessado na versão digital da Folha e em aplicativos como Apple Podcasts, Google Podcasts, Spotify e Deezer.

Já a newsletter indica as principais reportagens e artigos publicados pelo jornal que podem auxiliar os professores.  Para receber a newsletter, é preciso ser assinante da Folha. Saiba como professores podem fazer a assinatura gratuita neste link.