Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a Busca
Polo de desenvolvimento educacional
Notícias Institucional

Cátedra de Educação Básica promove encontro sobre manifestações de racismo contra povos indígenas

Debate será transmitido ao vivo por meio do Youtube e tem por objetivo contribuir com a formação de professores de escolas básicas


A Cátedra de Educação Básica, uma iniciativa do Itaú Social e Instituto de Estudos Avançados da USP (Universidade de São Paulo), promove nesta quarta-feira, 12 de maio, às 16 horas, o encontro on-line  “Racismo e Educação: Povos Indígenas e Sistemas Escolares”.

O evento tem como intuito focalizar as ideias e manifestações de racismo contra povos indígenas na educação, em seus aspectos de formação de professores de escolas básicas, assim como de atuação antirracista envolvida na presença de indígenas no nível superior e empreendida pelos movimentos indígenas.

Para participar do encontro não é necessário uma inscrição prévia, todo o conteúdo será disponibilizado gratuitamente e ao vivo no canal Cátedra no Youtube. Será disponibilizado um certificado de participação para os interessados que preencherem o formulário que será enviado durante a transmissão.

Confira a programação:

12/05, às 16 horas

Abertura e mediação

Elie Ghanem (Faculdade de Educação da USP)

Formação de professores indígenas e não indígenas para a escola básica

Gersem Baniwa (Coordenador do curso de Formação de Professores Indígenas da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Amazonas)

Os aspectos de combate ao racismo pelas práticas de escolarização de indígenas e as características da formação de professores não indígenas.

Racismo, desafios da decolonialidade e a presença de indígenas na educação superior

Francineia Bitencourt Fontes (Antropóloga e doutoranda baniwa pela Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Formas de enfrentamento do racismo contra estudantes indígenas do ensino superior e suas contribuições para a educação básica.

​A luta política como educação antirracista na questão indígena do Brasil

Josiléia Kaingang (Mestra em antropologia, integrante da Arpinsul-Articulação dos Povos Indígenas do Sul)

A contribuição dos movimentos indígenas na formação de uma consciência popular que preze a igualdade social tanto quanto a diversidade étnica e cultural que configura a sociedade brasileira.