Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a Busca

Mais de 80 cursos de formação

Na plataforma Polo, ambiente de formação para educadores, gestores e famílias, foram realizadas formações on-line e gratuitas com 73 mil usuários cadastrados

A educadora Rosângela Maria Moreira em aldeias xavantes em Mato Grosso, em 2019.  Concluiu o curso “Gestão escolar: práticas de tutoria na formação continuada”, do Polo, em 2020

A plataforma Polo, o ambiente de formação do Itaú Social, se confirmou como um canal estratégico para levar formação de qualidade para profissionais de redes públicas, organizações sociais e todos que atuam pela melhoria da educação. Lançada no segundo semestre de 2019 e revitalizada em setembro, elevou muito o número de acessos, cursos concluídos e índice de satisfação do público. Com a pandemia, a procura cresceu exponencialmente. A tecnologia e os conteúdos de qualidade foram usados a favor do aprimoramento profissional em um contexto extremamente delicado para a educação pública. Foi o caso da educadora mato-grossense Rosângela Maria Moreira, que concluiu o curso “Gestão escolar: práticas de tutoria na formação continuada”, do Polo. Funcionária da Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso, ela atua como articuladora na Área Estratégica de Normas de Gestão Educacional, da Secretaria Adjunta de Gestão Educacional, como mostra a reportagem Minha missão como gestora é dar suporte aos professores, na área de Notícias do site.

Desde o lançamento do Polo, foram registrados 73.617 cadastrados em 82 cursos disponíveis. Apenas em 2020 foram 60.570 participantes presentes em 2.519 municípios. O perfil dos participantes dos cursos mostra 43% de profissionais ligados a organizações da sociedade civil, 41% de profissionais da educação e 16% envolvidos com ambas as ocupações. As mulheres são a grande maioria, atingindo 91% do público. São 52% que se declararam brancos e 43% autodeclarados negros. 

Outro desdobramento importante do Polo foi a inclusão na plataforma de programas formativos antes realizados presencialmente pelo Itaú Social, como, por exemplo, Avaliação econômica de projetos sociais e políticas públicas e Gestão de Projetos PMDPro. Além das atividades síncronas, com mediador atuando com grupos fechados, havia acesso a materiais complementares, como videoaulas. Com a demanda crescente, ficaram claros a efetividade da plataforma e o potencial para ofertar cada vez mais materiais especialmente para profissionais que atuam em organizações da sociedade civil. Hoje, quatro  grandes temas estão hospedados lá, além da Educação na Pandemia. São eles:

  1. Gestão Operacional

Cuidados com planejamento, administração e finanças impulsionam redes, escolas e organizações sociais a cumprir seus objetivos.

Ver todos os percursos

  1. Monitoramento e Avaliação

O uso de critérios e metodologias para avaliar e monitorar projetos ampara a sustentabilidade das organizações.

Ver todos os percursos

  1. Gestão Pedagógica

Força motriz do fazer educativo, qualifica e aprimora os processos de ensino e aprendizagem em escolas e organizações sociais.

Ver todos os percursos

  1. Multiletramentos

O conhecimento de múltiplas linguagens leva a maneiras significativas e inclusivas de se relacionar com o mundo contemporâneo.

Ver todos os percursos

Em números

1 milhão

de acessos desde o lançamento, no segundo semestre de 2019

73.617

cadastros acumulados entre 2019 e 2020

57.575

cadastros em 2020

2.519

municípios participantes em 2020

44,5%

taxa de cursos concluídos em 2020

Ficha técnica

Coordenador de comunicação: Alan Albuquerque R. Correia • Coordenação: Rodrigo Souza Silva • Projeto e produção editorial, textos, revisão, identidade visual e design de interface: Galápagos Newsmaking

Relatório 2020 - Itaú Social