Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a Busca
Programas Letras e números Escrevivências

Escrevivências

Escuta iluminada

Oficina, livro e seminário em torno de Conceição Evaristo ampliam o olhar institucional sobre representatividade e identidade nas experiências de leitura e de escrita

Convite do seminário, arte com traços de Goya Lopes: reflexões e percepções

“E se ontem nem a voz pertencia às mulheres escravizadas, hoje a letra, a escrita, nos pertencem também”, ensina a escritora Conceição Evaristo. Em 2020 a autora e sua obra foram tema de um seminário e de um livro que articulam experiências de leitura e escrita — e que muito contribuem para ampliar a percepção da importância das questões sobre representatividade e identidade nas experiências de leitura e de escrita. Esse é um aprendizado que se reflete no Edital Leia para uma Criança, que em 2020 decidiu investir em obras de literatura infantil que tenham foco na valorização e no protagonismo de pessoas, histórias e/ou culturas negras e indígenas (leia mais). Autora e palestrante que reforça a importância de incluir mais pessoas na sociedade letrada e valorizar as histórias de mulheres, sobretudo as negras e as socialmente vulneráveis, Conceição já havia sido homenageada pela 6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa em 2019, ano em que também viajou pelo Brasil realizando oficinas para mediadores de leitura em bibliotecas comunitárias. Prosseguimento do projeto Oficina de Autores — Memórias e Escrevivências de Conceição Evaristo, lançado em 2018, o  seminário A Escrevivência de Conceição Evaristo realizou-se em novembro de 2020, em parceria com a MINA Comunicação e Arte. O seminário on-line, organizado para ampliar o debate sobre o conceito de “escrevivência” criado por ela há 25 anos, marcou o lançamento da publicação Escrevivência — a escrita de nós — reflexões sobre a obra de Conceição Evaristo, organizada por Constância Lima Duarte e Isabella Rosado Nunes. Além de ensaios relacionados à educação, assinados pela superintendente do Itaú Social Angela Dannemann e por Dianne Melo, coordenadora de Engajamento Social e Leitura da instituição, o livro traz artigos inéditos de outros 12 autores. O conteúdo do evento está disponível na página do YouTube do Itaú Social.

Saiba mais

Seminário A Escrevivência de Conceição Evaristo

CONCEIÇÃO EVARISTO: “A escrevivência serve também para as pessoas pensarem”

Ficha técnica

Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren Ipsus Dolor Sit Amet Loren.

Relatório 2020 - Itaú Social